Amor perdido


No escuro
O cachorro perdeu o rumo
Pegou caminho oblíquo
Saltou o muro
Perdeu-se no mundo

Houve choro
Do seu dono
Que viu naquilo
Um horror da vida

Uma lástima
A lágrima sem brilho
Escorria do olho
Por tanta estima

Um comentário:

Alexandre Thallinger disse...

grande Vagner! como seu cachorro pulei o seu muro e por aqui vou correr! abração